16 de mai de 2010

Grifes!

Hey, Fashionistas!

 Vamos falar hoje sobre Grifes *-*
Bom andei pesquizando algo, e achei um pouco sobre Dolce & Gabana, Gucci, Dior, Prada, Calvin Klein. Espero que gostem desse minipost e comentem! Orkut: Ryan Droping III,rs.



Dolce&Gabbana

Dolce & Gabbana
, ocasionalmente abreviado como D&G, é uma internacionalmente famosa marca italiana de alta costura criada pelo estilista siciliano Domenico Dolce e pelo vêneto Stefano Gabbana, em Milão, na Itália.
http://farm3.static.flickr.com/2510/3961821714_8d3d12783c.jpgA grife é muito popular entre estrelas como Madonna, Gisele Bündchen, Monica Bellucci, Ayumi Hamasaki, Isabella Rossellini e Kylie Minogue. Sua primeira loja foi aberta nos Estados Unidos em 1985 na cidade de Houston. Hoje as lojas estão espalhadas ao redor dos principais centros da moda do mundo, como Nova Iorque, Londres, Milão, Paris, entre outras.
       A Dolce & Gabbana possui dois eixos centrais, são eles:

Dolce&Gabbana

Dolce&Gabbana (escrita sem espaços, ao contrário do nome da empresa) é especializada em artigos de luxo, é mais influenciado por designers e é mais formal, respondendo às tendências de longo prazo. Fazem parte da sua linha de produtos: óculos de sol, camisas, bolsas, relógios, etc.
Modelo posando para a coleção da Dolce & Gabbana de 2003.

D&G

A D&G é uma linha um pouco mais casual, ela segue uma inspiração urbana e tenta definir tendências ao invés de segui-lás. É a linha mais jovem, e mais chamativa da marca. Entre seus produtos estão: relógios, celulares (Em 2005 e 2006, foi lançado uma linha limitada de 1.000 aparelhos Razar V3i D&Golden distribuido pela D&G boutiques e varejos da Motorola), etc.

Boutiques

A marca possuí mais de 100 lojas próprias e 11 outlets espalhadas por todo o mundo estando presente em cidade como Paris, Nova Iorque, Roma, São Paulo, Milão, Madrid, Montreal, Toronto, Las Vegas, Los Angeles, Rio de Janeiro, Tóquio, entre outras...

Gucci


Gucci ou Casa Gucci é uma grife de origem italiana, fundada por Guccio Gucci (1881-1953) em Florença em 1921. O sócio majoritário da empresa italiana é a holding francesa PPR.
http://images.free-extras.com/pics/g/gucci_shoes-697.jpgComo outras grandes marcas, a Casa Gucci começou com a fabricação de peças de couro feitas artesanalmente pela família. Quase na falência, a direcção artística da marca italiana e de todo o grupo Yves Saint Laurent foi entregue a Tom Ford, que lhe atribuiu um novo look, jovem e chic, popularizando a marca por todo o mundo. Provavelmente devido a conflitos internos, Tom Ford retirou-se da Gucci em 2005 e assumiu uma marca própria. Gucci gerou US$ 7,7 bilhões das receitas mundiais em 2007, segundo a revista BusinessWeek e recofirmed- 46ª posição do ano anterior na revista anual do "Top 100 Brands" chart. Por esta razão, Gucci é a segunda maior marca de moda venda após a Louis Vuitton. O mais importante é que a Gucci é recordista mundial de vendas italianas. Gucci opera cerca de 425 lojas em todo o mundo e também vende seus produtos através de franqueados e de lojas de luxo. Hoje a marca Gucci, além de aclamada por muitos, participa dos principais eventos de moda do mundo.
A Gucci têm duas lojas na América do Sul sendo as duas no Brasil, uma no Shopping Iguatemi São Paulo e a outra localizada na Daslu que fica na Avenida Chedid Jafet.

 Dior

Christian Dior nasceu em 21 de Janeiro de 1905 em Granville na Normandia. Ele cresceu em uma rica família mercante. É então um estudante de Sciences-Po, mas o jovem cristã gasta mais tempo admirando a arte museus de Paris a sua maneira de trabalhar. Ele também adora falar de música, poesia e literatura com o seu amigo Jean Cocteau. Para
http://blogue.us/wp-content/uploads/2009/04/christian-dior-haute-couture-paris-spring-summer-2007640x480.jpgsuportar sozinha, que ele chamou de Le Figaro, em 1938 e entre Piguet, o monumento parisiense da moda da época. Em 1946 ele decidiu abrir sua própria alta costura, com a assistência financeira a partir de Marcel Boussac, Christian Dior Avenue Montaigne inaugura sua primeira indústria de pequena escala.
Resultando em 1947 uma coleção chique e choque, estilo, tamanho ultra fino para seios volumosos e saia declaração. Este é o "New Look" de Monsieur Dior. O gênio da moda morreu em 24 de Outubro de 1957, em Montecatini em Itália após um ataque cardíaco enquanto em plena hora de glória. Yves Saint Laurent retoma o assunto, seguido por Marc Bohan, em 1960.
Em 1987, o grupo LVMH (Louis Vuitton Moët Hennessy) investiu na casa Dior. Então, ele se torna um pouco moda antiga e menos comercial, Gianfranco Ferre, e alguns anos mais tarde John Galliano reviver a marca, fornecendo uma chave para ambos os jovens e do sexo.

A casa agora é conhecida no mundo inteiro, de vestuário e de produtos de luxo que mostra e rhinestones o mundo das de lantejoulas.

Prada

Prada é uma marca italiana de moda.
http://www.dominiodamodablog.com.br/wp-content/uploads/2010/02/04.06.2009-Prada.jpgNo início de sua história, a grife era especializada em malas de viagem, bolsas e artigos de couro. Porém, tudo mudou quando a direção de arte da marca passou para as mãos da sobrinha de seu dono, Miuccia Prada. A estilista, em sua juventude, participou de movimentos estudantis e quis trazer para suas coleções uma mulher inteligente, bem informada, ousada e inovadora, bem diferente do estilo feminino e sensual pregado pelo seu conterrâneo Gianni Versace.
Logo em seu primeiro desfile de Prêt-à-porter, Miucchia causou impacto e ganhou importância. Hoje em dia, ela é considerada a papisa da moda. Até a toda-poderosa editora da Vogue americana, Anna Wintour, chegou a declarar que "Prada é o único motivo para alguém assistir à temporada de moda em Milão".
Essa caríssima grife italiana também possui outras marcas, como a Miu-miu, voltada para um público mais jovem. A grife foi mencionada em obras como o livro O Diabo Veste Prada, tanto no próprio título quanto nas roupas que os personagens usaram em sua adaptação para o cinema


Calvin Klein

Calvin Richard Klein, nascido a 19 de Novembro de 1942, é um estilista estadunidense de origem judaica húngara. Calvin Klein é também o nome da marca de roupa comercializada pela sua empresa, inaugurada em 1968.
Calvin Klein é uma grife de sucesso presente há vários anos no mundo da moda. Com sua loja matriz em Nova York, nos Estados Unidos, a loja participa de várias semanas de moda, além de ser vista como uma marca de alto nível.
Fez parte do primeiro time de estilistas que desenharam à moda dos Estados Unidos no século 20. Formou-se no Fashion Institute of Technology, em 1962.
Durante os cinco anos seguintes, trabalhou para diversos confeccionistas especializados em costumes masculinos e casacos, até que em 1968 resolveu abrir seu próprio negócio.
http://www.reviewsresults.com/wp-content/uploads/2010/01/Calvin-Klein-In2U-standing.jpgKlein vendia suas roupas em pequenas quantidades para grandes lojas de departamentos, e foi em uma delas, a Bonwit Teller, que recebeu sua primeira grande encomenda: um alto executivo da casa o viu empurrando pelo corredor uma arara de roupas, gostou do que viu e fechou um negócio de US$ 50 mil. A partir daí, ele foi se aperfeiçoando na arte de confeccionar roupas masculinas, especialmente paletós, casacos e blazers. Logo, fazia também roupas para as mulheres.
Suas linhas clássicas e suaves começaram então a aparecer em coleções sportswear. Cada novo lançamento seu transformava-se em sucesso. Com a sobriedade como sua marca registrada, ele foi caminhando para uma criação cada vez mais sofisticada, sempre respeitando os conceitos de harmonia de proporções. Com os jeans, Calvin Klein tornou-se um verdadeiro mito - ter um ‘Calvin’ passou a ser um sonho mundial de consumo.
Seus negócios bilionários incluem, hoje em dia, além de roupas masculinas e femininas de grande classe e atualidade, muito copiadas em todo o mundo, uma vasta linha de acessórios, na qual se destacam, além dos perfumes Eternity e Obsession, outros como Escape e CK One.
 Site oficial : clique aqui!




11 de mai de 2010

HOMEM + LEGGING


As leggings mais tendências são na textura ‘vinil’, que de fato tão gritando nas vitrines femininas, mas nos boys de plantão ainda custam de ser aceitas. As leggings já tomaram seu espaço (ainda com certo preconceito) na prática de exercício para os homens, mais pra as mulheres, elas saíram da academia e a certo tempo já viraram assessório fundamental no dia-a-dia.





Elas podem ser utilizadas como uma pesa curinga, principalmente a preta básica. Caem super bem com camisetões de corte mais despojado, de preferência na altura das coxas, regatas e blazers.

Nos pés cai bem um coturno, bota, tênis de cano alto, tudo que dê um ar de 'encaixe' à calça.












As leggings também podem ser usadas sob shorts e bermeudas:


Como tudo que vem do guarda-roupa feminino causa muita polêmica e necessita alguns ajustes como ter que acostumar o BONECO nas calças justas,pois marca muito, muito mesmo!!

Para quem já tá acostumado com as calças skinny não vai sentir muita diferença.


Vale o bom senso de quem pretende aderir a moda e o respeito de quem não aceita muito isso de homem usando calça apertada...

E então, Você acha que essa moda pega ou não pega?

10 de mai de 2010

10 mandamentos do inverno 2010

1. Seja "tachada" de fashion!
O enfeite do momento são as tachas, detalhes de metal que nasceram com os punks na década de 70, foram adotados pela tribo rock n'roll e chegam para tirar roupas e acessórios do tédio neste inverno. Use com: um cinto de tachas combina bem com qualquer pretinho básico. As mais jovens e ousadas usam com jaqueta + microshorts.





2. Sobreponha
Brincar de usar uma peça sobre outra é o jeito mais moderno e acessível de mudar a cara do visual instantanemanente. Funciona assim: uma camisa xadrez com pinta meio grunge, meio country, ganha fôlego com t-shirt rocker por cima. A dica para o mix dar certo é que as peças sobrepostas tenham alguma informação comum (uma cor que se repete em ambas, por exemplo). Cuidado: para não adicionar volume à silhueta. Escolha peças ajustadas de tecidos mais leves.








3. Invista num colete
Com pegada esportiva, o colete utilitário é curinga que vale seu investimento: com t-shirt e jeans adesivo, ganha ares roqueiros; com vestido folk, adiciona urbanidade ao visual; com bermuda boyfriend, compõe um ótimo look masculino-feminino. Sinal verde: para dar a ilusão de seios maiores, já que a lapela adiciona volume à região no ato!





4. Seja justa!
Sabe aquela legging usada nos anos 80 para as aulas de aeróbica? A pobre peça levou fama de cafona e ficou de ‘quarentena fashion’ por anos até agora. Pois sim, as leggings são as calças do momento. Elásticas e cintilantes; elas são obrigatórias para o visual rock n’roll da vez. Mas, atenção: para equilibrar, use sempre com tops alongados e saltos poderosos.





5. Militarize-se
Vai ser difícil passar pelo inverno sem uma peça de inspiração militar no guarda-roupa. Elas estão nas principais revistas de moda do Brasil e do mundo, nos closets das celebridades claro. A referência é sutil e o resultado é deliciosamente fashion. Use com: vestido xadrez, modelos românticos ou camisetas com cara de usadas.





6. Suba no salto
Mas não qualquer salto. Se tem um modelo que vai virar coqueluche e já circula nos pés mais antenados é a open boot, também conhecida como sandália-bota. Ela é uma híbrida de ankle boot com sandália tipo peep toe, já que tem a ponta vazada. Como usar: com ou sem meia opaca, com vestidos, calças justas ou boyfriend jeans. Ou seja, com tudo! Só liberado para quem tem pernas mais longilíneas, já que o modelo fatia a silhueta.










7. Limpe o visual
Já ouviu falar em minimalismo? A tendência que clama por peças limpas, sem enfeites e com corte perfeito, surgiu na moda dos anos 90 e agora volta com tudo. Experimente limpar em vez de poluir: escolha uma roupa com bom corte e tecido, daquelas que vão durar para sempre. Vantagens: superemagrecedor, o vestido é elegante, versátil e democrático. Com sapatilha, é perfeito para o dia a dia; com scarpim, é ótima opção para noites quentes.




8. Veja tudo em preto e branco!
Quer combinação mais chique que esta? Encarne uma diva glamorosa de outros tempos com saia-lápis + camisa branca + pilhas de colares de pérolas + casaco com padrão pied-de-coq. É o tipo de visual sofisticado no Brasil, na Paris de Chanel ou em qualquer outro lugar do planeta.




9. Invista num bom relógio
Muitas vezes, mais vale apostar num único acessório poderoso que em várias peças mais em conta. É tudo uma questão de custo-benefício: pense em quantas vezes vai usar a peça! E isso vale para homens e mulheres. O modelo esportivo com pulseira de aço vai bem tanto em looks casuais quanto em ocasiões mais especiais, nunca sai de moda e confere poder até à mais básica das produções, como jeans e camiseta.




10. Garanta uma camisa xadrez
Está aí uma peça mega curinga para eles. Dá para usar sozinha ou sobreposta a camisetas, num visual rocker ou country, com calça jeans ou bermuda utilitária. Para arrasar: combine com coturno pesado e use com a barra da calça meio para dentro, meio para fora do cano da bota e arregace displicentemente a manga da camisa para um visual moderno e desencanado na medida certa.





Fonte: Riachuelo


8 de mai de 2010

8 Looks para o frio!

   Olá fashionistas! Bom, finalmente o frio está vindo weeeeeeva, e para quem não gosta de frio, vai ter que se acustumar.
    Alias o frio é uma das estação mais clean, e é umas das estações que mais se pode brincar com as roupas, mas vamos ter cuidado para não parecer um balão inflado, pois, o frio busca roupas PESADAS, oque não significa muitas! Vamos ter cuidado certo fashionistas?



As propostas de looks para eles são : lenços grandes neutros ou bastante coloridos + mocassins + camisa xadrez + camisetas leves + curturno + maxicardigã, vale a pena trocar um cardigã ou um casaquinho por uma camisa xadrez, ou se quiser una os dois.. O reultado é, um look quente mas não tão quente, porque nosso clima é instavel, e são looks bastante comfortáveis para esses dias mais frios. Enfim, inspire-se e monte seu look !



A propósta de looks para elas são : saias + meias rendadas + blusão + lenços + jeans 80 's + mocassins, anklee boots, botas de cano baixo + bolsão, tipo Chanel ou retrô vintage. O resultado são looks lindos e quentes, apesar do comprimento das saias, vale muito a pena usar e abusar delas nesta estação, dão um UP no look que fica íncrivel. Ouse e se inspire !

Fontes: Into The Fashion Life

1 de mai de 2010

New york


Lojas em Nova York que possui uma grande preocupação com a vitrines temáticas.

O natal, dia dos namorados e o dia das mães são as datas em que essas lojas preparam as vitrines mais lindas. Sem esquecer que a Macy’s tem seu próprio show no início da primavera, quando a loja inteira é decorada com flores e as vitrines recebem decoração especial. No início de Abril, a loja de departamento Saks colocou na vitrine uma ideia original, barata e de muito efeito: papel cartão dobrado em círculo. De longe dava a impressão de ser uma rosa. Cada vitrine recebeu uma caixa disposta na vertical, preenchida com os papeis cartões dobrados em degradê.

A parte criativa ficou por conta das cores usadas, as flores feitas de papel cartão eram tingidas nas cores da cartela de verão 2010, e as roupas dispostas na vitrine tinham os mesmos tons.

Um dos destaques é a vitrine da marca Oscar de La Renta. A coleção foi desenvolvida em meados de novembro e dezembro de 2009 pela empresa Ankasa.Achei bem curioso a forma e os detalhes nessa coleção totalmente fantastica O amarelo é a cor do momento em Nova York – Foto de Sueli Schmitt – direto de Nova YorkManequins dispostas como pessoas reais traz movimento a vitrine – Foto de Sueli Schmitt – direto de Nova York